Sistema De Jornalismo Itavófm.

Ola amigos De Itaipulândia e região Estamos Sempre Inovando Para que você fique Bem Informado e agradecemos a Tua Preferência E Companhia de Todos Os Dias Um Bom 2019 A Todos.

Rádio Itavofm 90;3

Rádio Itavofm 90;3
Todos os Dias das 6 da Manhã as 7 Programa Alvorada Sertaneja apresentação Fernandes Miguel

Classificados Itavó FM

Classificados Itavó FM
Vende se Casas e terrenos Em Itavó

domingo, 3 de novembro de 2019

"Mamata acabou", dispara Bolsonaro sobre Rede Globo

"Mamata acabou", dispara Bolsonaro sobre Rede Globo

Mais uma vez, presidente ameaçou adotar critérios rígidos para renovar concessão da empresa


O presidente Jair Bolsonaro voltou a criticar neste sábado, 2, a Rede Globo. Em duas ocasiões distintas, durante conversa com populares e jornalistas, o presidente referiu-se de forma espontânea à emissora, afirmou que a "mamata" havia acabado - numa referência a verbas de publicidade do governo federal - e, mais uma vez, ameaçou adotar critérios rígidos para renovar a concessão da empresa. "Vocês têm que estar arrumadinhos para 2022, hein, eu estou dando o aviso antes!", afirmou.
   

Esta foi a terceira vez na semana que Bolsonaro veio a público para criticar a empresa e falar sobre a renovação da concessão. Os ataques tiveram início na terça-feira, 29, depois da veiculação pela emissora de uma reportagem sobre o depoimento do porteiro do condomínio Vivendas da Barra, no Rio, onde Bolsonaro tem casa.
O funcionário afirmou à polícia que, no dia da morte da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes, o ex-PM Elcio Queiroz, suspeito da participação no crime, teria dito que iria à casa 58, que pertence ao presidente. Ele afirmou ainda que interfonou para a casa e que teria recebido autorização de "seu Jair". A reportagem mostrava que registros do painel da Câmara dos Deputados indicavam a presença de Bolsonaro em Brasília no dia da morte da vereadora.
"Um jornalismo covarde, hipócrita, sacana da TV Globo. O tempo todo me perseguindo, eu e minha família e meus amigos. Para que isso?", disse pela manhã, quando foi a uma concessionária em Brasília pegar uma moto que comprou. Logo em seguida, questionado, ele afirmou que não pediria direito de resposta à empresa. "Se a Globo tiver vergonha na cara, não espera meu processo, me abre espaço." A reportagem do Jornal Nacional ouviu o advogado do presidente.
No início da noite deste sábado, durante conversa com populares, Bolsonaro voltou a falar sobre a emissora sediada no Rio. Ao ver que havia câmeras registrando seu encontro com manifestantes, o presidente questionou. "E a Globo, já acharam quem matou a Marielle? Foi eu mesmo ou não?"
Procurada, a Rede Globo não havia se manifestado até a publicação deste texto.

Ataques

Além dos comentários deste sábado, Bolsonaro criticou a empresa por duas vezes nesta semana, em "lives" no Facebook. A primeira deles foi transmitida logo depois da veiculação da reportagem. A outra vez, na quinta, teve teor semelhante.
Os ataques de Bolsonaro não ficaram restritos à Globo. Nesta semana, ele afirmou que proibiria órgãos do governo federal de assinar a Folha de S.Paulo. Afirmou ainda que anunciantes deveriam "prestar atenção".
Antes mesmo da veiculação da reportagem da Globo, Bolsonaro postou na última segunda-feira vídeo que comparava veículos de imprensa a hienas, mas o apagou duas horas depois. O vídeo exibia um leão, que simbolizaria o presidente da República, rodeado de hienas, que representariam veículos de imprensa, Ordem dos Advogados do Brasil, Supremo Tribunal Federal (STF). Diante da repercussão negativa, o presidente pediu desculpas.
"Me desculpo publicamente ao STF, a quem porventura ficou ofendido. Foi uma injustiça, sim, corrigimos e vamos publicar uma matéria que leva para esse lado das desculpas. Erramos e haverá retratação", disse Bolsonaro na ocasião.

0 comentários:

Postar um comentário

fotos google

Social

Notícias Populares

Poder Legislativo de Itaipulândia Paraná

Poder Legislativo de Itaipulândia Paraná
PAUTA 39ªSessão Ordinária, do segundo período legislativo, da Sétima legislatura do Município de Itaipulândia, Estado do Paraná, realizada às 19:00 horas no dia 11 de novembro do ano de dois mil e dezenove, em sua Sede própria, com a seguinte, ORDEM DO DIA 1- Chamada Nominal dos Vereadores pelo Secretário; 2- Leitura de um trecho Bíblico: Vereador Roberto Piano. 3- Leitura, Discussão e votação da Ata: 38ª Sessão Ordinária de 2019. 4-Leitura dos Expedientes. Ofício nº630/2019- Promotoria de Justiça comunicando que no dia 21 de novembro de 2019 haverá correição ordinária às 8:30 na sede do Ministério Público; Ofício nº4.407/2019 da Assembleia Legislativa encaminhando cópia do Requerimento, formulado pelo Deputado Nelson Luersen enviando Congratulações ao 27ºaniversário do Município de Itaipulândia. GRANDE EXPEDIENTE: PROJETOS DE LEIS E PROPOSTAS DE EMENDAS EM PRIMEIRA DISCUSSÃO E VOTAÇÃO: Projeto de Lei nº078/2019- Que Dispõe a Alteração do PPA Plano Plurianual do Município de Itaipulândia, para os exercícios de 2020 e 2021 e dá outras providências; Projeto de Lei nº079/2019- Que Dispõe sobre a Alteração da LDO-Lei de Diretrizes Orçamentarias para o exercício de 2020, e dá outras providências; Proposta de Emenda Modificativa nº01/2019- Altera redação do Art.7º do Projeto de Lei n.º80/2019 Fica o Poder Executivo a abrir no Orçamento Geral do Município, através de ato próprio, Créditos Adicionais Suplementares, até o limite de 15%, sobre o total das despesas fixadas nos Orçamentos dos Poderes Executivo e Legislativo Municipal de autoria do Vereador Valdemar Facioni; Proposta de Emenda Modificativa nº02/2019- Altera redação do Art.7º do Projeto de Lei n.º80/2019 Fica o Poder Executivo a abrir no Orçamento Geral do Município, através de ato próprio, Créditos Adicionais Suplementares, até o limite de 3%, sobre o total das despesas fixadas nos Orçamentos dos Poderes Executivo e Legislativo Municipal de autoria do Vereador Rodrigo Rogério Pavinatto; Proposta de Emenda Modificativa nº03/2019- Altera redação do Art.7º do Projeto de Lei n.º80/2019 Fica o Poder Executivo a abrir no Orçamento Geral do Município, através de ato próprio, Créditos Adicionais Suplementares, até o limite de 10%, sobre o total das despesas fixadas nos Orçamentos dos Poderes Executivo e Legislativo Municipal de autoria dos Vereadores Roberto Piano, Marcos Paulo Coradini e Claudemir da Silva Homem; Proposta de Emenda Aditiva e Modificativa nº04/2019- Inclui e altera dotações constantes no anexo 2, do Projeto de Lei n.º80/2019, na Unidade Orçamentária Câmara Municipal, incluindo as alterações no Projeto de Lei nº078/2019 que dispõe sobre alteração do PPA Plano Plurianual do Município de Itaipulândia, e no Projeto de Lei nº079/2019 que dispõe sobre a Alteração da LDO- Lei de Diretrizes Orçamentarias para o exercício de 2020; Proposta de Emenda Aditiva e Modificativa nº05/2019- Inclui e altera dotações constantes no anexo 2, do Projeto de Lei n.º80/2019, na Unidade Orçamentária Secretaria de Administração, incluindo as alterações no Projeto de Lei nº078/2019 que dispõe sobre alteração do PPA Plano Plurianual do Município de Itaipulândia, e no Projeto de Lei nº079/2019 que dispõe sobre a Alteração da LDO- Lei de Diretrizes Orçamentarias para o exercício de 2020; Projeto de Lei nº080/2019- Que Estima a Receita e Fixa o Limite da Despesa do Município de Itaipulândia para o Exercício Financeiro de 2020, em R$ 124.000.000,00. MENSAGENS DOS PROJETOS DE LEI QUE SERÃO LIDOS E ENCAMINHADOS PARA ANALISE DAS COMISSÕES PERMANENTES: Mensagem do Projeto de Lei nº91/2019- Que Dispõe a Concessão de Incentivos e/ou benefícios para instalação de uma indústria de artefatos de cimento; Mensagem do Projeto de Lei nº92/2019-Amplia o número de Cargos de Provimento Efetivo existentes no Quadro de Servidores do Municipal de Itaipulândia; Assistente Social 30h, 01 vaga; psicólogo 40h 02 vagas, Médico 40 h 02 vagas. INDICAÇÃO QUE SERÁ LIDA E ENCAMINHADA AO ORGÃO COMPETENTE: Indicação nº65/2019 Vereadores: Claudemir da Silva Homem e Valdemar Facioni INDICA a Prefeita Municipal, Exma. Sra. Cleide Inês Griebeler Prates, que seja instalado Sensor de Presença em todas as repartições públicas municipais, com o objetivo de cortar energia nas salas quando os servidores estiverem ausentes Justificativa: O objetivo principal desta solicitação e a economia de energia. Com a instalação do sensor de presença, quando o funcionário se ausentar da sala automaticamente a energia é desligada, evitando principalmente que o ar condicionado e lâmpadas fiquem ligados por longos períodos sem necessidades. Sala de Sessões da Câmara Municipal de Itaipulândia, em 08 de novembro de 2019. Vilso Nei Serena Presidente