Sistema De Jornalismo Itavófm.

Ola amigos De Itaipulândia e região Estamos Sempre Inovando Para que você fique Bem Informado e agradecemos a Tua Preferência E Companhia de Todos Os Dias Um Bom 2019 A Todos.

Rádio Itavofm 90;3

Rádio Itavofm 90;3
Todos os Dias das 6 da Manhã as 7 Programa Alvorada Sertaneja apresentação Fernandes Miguel

Classificados Itavó FM

Classificados Itavó FM
Vende se Casas e terrenos Em Itavó

terça-feira, 3 de setembro de 2019

Reni Pereira presta depoimento em ação penal da Operação Pecúlio/Nipoti

Por...www.observadornews.com.br... Foz do Iguaçu


Reni Pereira (PSB) chega à Justiça Federal de Foz do Iguaçu para prestar depoimento — Foto: Reprodução/RPCReni Pereira (PSB) chega à Justiça Federal de Foz do Iguaçu para prestar depoimento — Foto: Reprodução/RPC

O ex-prefeito de Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, Reni Pereira (PSB) presta depoimento à Justiça Federal pela ação penal da Operação Nipoti, um desdobramento da Operação Pecúlio, na manhã desta terça-feira (3).
O ex-prefeito é um dos 98 réus na ação que apura um suposto esquema de corrupção na Câmara Municipal de Foz do Iguaçu.
G1 tenta contato com a defesa de Reni Pereira.
A operação foi deflagrada pela Polícia Federal em dezembro de 2016. Na época, 12 dos 15 vereadores foram presos suspeitos, entre outros, de receber uma espécie de mensalinho em troca de apoio aos projetos de interesse do então prefeito.
A ação penal trata ainda de um esquema de favorecimento de credores da prefeitura.
Nesta ação, o ex-prefeito responde por 66 fatos narrados na denúncia do Ministério Público Federal (MPF), com acusações de corrupção ativa e passiva, crime no decreto-lei previsto para prefeitos, peculato, usurpação de função pública e crime contra a lei de licitações.
Este é o 22º de depoimento de réus na ação penal. A juíza responsável pelo processo reservou esta terça-feira e a quarta-feira (4) para ouvir Reni Pereira. Se não for suficiente, o réu volta a depor nos dias 10, 11 e 12 de setembro.

Operação Pecúlio

Reni foi alvo da 4ª fase da Operação Pecúlio, em 14 de julho de 2016, três meses depois do início da operação. Reni ainda era prefeito, e foi afastado imediatamente do cargo. O ex-prefeito cumpriu prisão domiciliar por 105 dias.
Desde então, ele virou réu em duas ações penais. Na primeira, que corre em sigilo, Reni Pereira prestou depoimento em outubro de 2018 e aguarda sentença. O MPF denunciou o político por crimes contra a lei de licitações, corrupção passiva, crime previsto na lei de prefeitos, usurpação da função pública e organização criminosa.
De acordo com a Polícia Federal, o esquema pode ter desviado cerca de R$ 30 milhões de recursos, entre outros, do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e do Sistema Único de Saúde (SUS).
Neste processo, a defesa alegou que Reni não pode responder por crimes cometidos por terceiros, que não sabia dos crimes e que as delações que deram origem às denúncias são falaciosas.
Ex-prefeito de Foz do Iguaçu responde a duas ações penais no âmbito da Operação Pecúlio — Foto: Felipe Gusinski/Cohapar/DivulgaçãoEx-prefeito de Foz do Iguaçu responde a duas ações penais no âmbito da Operação Pecúlio — Foto: Felipe Gusinski/Cohapar/Divulgação

0 comentários:

Postar um comentário

fotos google

Social

Notícias Populares

Poder Legislativo De Itaipulândia Paraná

Poder Legislativo De Itaipulândia Paraná
PAUTA 30ª Sessão Ordinária, do segundo período legislativo, da Sétima legislatura do Município de Itaipulândia, Estado do Paraná, realizada às 19:00 horas no dia 09 de setembro do ano de dois mil e dezenove, em sua Sede própria, com a seguinte, ORDEM DO DIA 1- Chamada Nominal dos Vereadores pelo Secretário; 2- Leitura de um trecho Bíblico: Vereador Roberto Piano. 3- Leitura, Discussão e votação da Ata: 29ª Sessão Ordinária de 2019 4-Leitura dos Expedientes. GRANDE EXPEDIENTE: PROJETOS DE LEIS EM PRIMEIRA DISCISSÃO E VOTAÇÃO: Projeto de Lei nº 063/2019- Que Dispõe sobre a reestruturação administrativa do Poder Executivo do Município de Itaipulândia e dá outras providências; Projeto de Lei nº 064/2019- Que Dispõe sobre a alteração do sistema de Cargos em Comissão e dá outras providências; Projeto de Lei nº 065/2019- “Que Dispõe sobre os componentes do Município de Itaipulândia referente ao Sistema Nacional de Segurança Alimentar -SISAN-, define os parâmetros para elaboração e implementação do Plano Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional e dá outras providências”. MENSAGENS DO PROJETO DE LEI E PROJETO DE DECRETO LEGISLATIVO QUE SERÃO LIDOS E ENCAMINHADOS PARA ANALISE DAS COMISSÕES PERMANENTES: Mensagem do Projeto de Lei nº073/2019- Que acrescenta dispositivos da Lei Municipal nº 1.491/2016, Visa incluir ao estatuto do Servidor Público a possibilidade de implementar através de Lei especifica gratificações especiais aos servidores; Mensagem de Decreto Legislativo nº03/2019- Concede Título de Honra ao Mérito ao Professor José Jacob Heckler Griebeler, autoria do Vereador Vilso Nei Serena. INDICAÇÃO QUE SERÁ LIDA E ENCAMINHADA AO ORGÃO COMPETENTE: Indicação nº51/2019 Vereador Marcos Paulo Coradini INDICA a Prefeita Municipal, Exma. Sra. Cleide Inês Griebeler, que seja denominado a Rua Projetada-A localizada no Bairro Jardim Curitibano como “Rua Erno Baron”. Justificativa: Erno Baron foi um pioneiro que muito contribuiu com o desenvolvimento da nossa cidade. No inicio (1966) veio a residir na comunidade de Cristo Rei, desenvolvendo a atividade agrícola, e voluntariamente ajudou na construção da escola e igreja local. Foi Presidente da Igreja e se envolvia muito com diversas ações voltadas a comunidade. Após a formação do Lago de Itaipu, mudou-se com sua família para a cidade quando aposentou-se. Faleceu no dia 30 de agosto de 1993. Como forma de homenagem a esse pioneiro e sua família, solicitamos que a Rua Projetada-A passe a denominar-se Rua Erno Baron. Sala de Sessões da Câmara Municipal de Itaipulândia, em 06 de setembro de 2019. Vilso Nei Serena Presidente